Volta à página de abertura

Informações Gerais

Programa

Bibliografia

Calendário

Exercícios

Novidades

Sugestões/Críticas

Downloads (pdf)

Créditos

UFSM

v Os ácidos nucléicos são grandes polímeros formados por nucleotídeos. Cada nucleotídeo é constituído por uma pentose, na qual estão ligados uma base nitrogenada e um grupamento fosfato (Figura 1).

v De acordo com o tipo de pentose os nucleotídeos são classificados como ribonucleotídeos ou desoxirribonucleotídeos (Figura 2).

v Cada nucleotídeo é nomeado segundo a base nitrogenada que possui, por exemplo, monofosfato de adenosina; difosfato de desoxiadenosina, trifosfato de adenosina(Figura 3).

 

v Para a formação dos ácidos nucléicos, os nucleotídeos são covalentemente ligados através de ligações fosfodiéster (Figura 4) que se estabelecem entre o fosfato de um nucleotídeo (ligado ao carbono 5’ da pentose) e a hidroxila de outro nucleotídeo (ligada ao carbono 3’ da pentose).

v As enzimas que fazem a ligação dos nucleotídeos (DNA polimerases e RNA polimerases) sempre adicionam o novo nucleotídeo a partir de uma extremidade 3’-OH livre, por isso, as fitas novas de DNA e os RNAs sempre crescem da extremidade 5’para 3’.

Continua