Bacharelado em Canto ou Instrumento

 

O Curso de Bacharelado em Música objetiva formar, além do compositor, o instrumentista ou cantor para atuar como solista ou em grupos, ou ainda exercer a atividade de professor do instrumento de sua escolha. Além disso, a grade curricular proporciona experiências musicais diversas que possibilitam ao estudante a busca de novos caminhos no campo musical. Assim, alguns serão regentes, arranjadores, produtores musicais, críticos musicais ou exercerão atividades relacionadas à música e tecnologia, uma das mais novas vertentes da área musical.

O curso de Bacharelado oferece as seguintes opções: canto, clarineta, composição, contrabaixo, fagote, flauta transversa, oboé, percussão, piano, trombone, trompa, trompete, violão, viola (de arco), violino e violoncelo.

 

Licenciatura

 

O Curso de Licenciatura Plena em Música objetiva formar o professor para a docência na Educação Básica da rede de ensino brasileira, possibilitando também, através de sua estrutura curricular e atividades complementares, oportunidades que levam o egresso a atuar em projetos sociais, música popular ou regência de coros. Desta forma, o aluno precisa desenvolver saberes docentes que incluam conhecimentos teóricos e práticos de música e de educação. O domínio do conhecimento musical aliado à execução vocal ou instrumental possibilitará a apreciação, o fazer e a criação musical, individualmente ou em grupo.

O Curso de Licenciatura Plena, além do núcleo comum, tem em sua grade curricular disciplinas pedagógicas específicas à formação do profissional em Educação Musical, como Didática, Metodologia do Ensino, Práticas Educativas e Estágio Supervisionado.

Coordenador: Pablo da Silva Gusmão

Secretária: Josete Maria Sonego Zimmermann

Contato: Prédio 40B, Fone: 55 3220-8443.

Site: Visualizar Site Curso Música - UFSM

 

Música e Tecnologia

 

Planejado desde 2007 e implantado no ano de 2011, o Curso de Música e Tecnologia é uma das novidades na lista das graduações da UFSM. Com uma estrutura curricular inédita no país, o curso tem duração de cinco anos e aulas diurnas, com foco no conhecimento de tecnologias analógicas e digitais envolvidas na produção e gravação musicais. A estrutura curricular básica é similar a do bacharelado, porém, enquanto o bacharel trabalha um instrumento em particular ou canto, o graduando no curso novo trabalha com a tecnologia.

O curso visa formar o músico que usa a tecnologia adequada em sua performance ou o profissional que possa atuar como operador de áudio, gravação e sonorização; produtor/diretor musical; especialista em síntese sonora e criação de novos timbres. Esse profissional estará apto a trabalhar em gravadoras, empresas de sonorização, emissoras de rádio e TV e com editoração de som.

Coordenador: Marcelo de Campos Velho Birck

Secretária: Bruna Freitas Sakis Leal

Contato: Prédio 40B, Fone: 55 3220-5623