Portal do Governo Brasileiro

O estudante deverá apresentar-se, no local de prova, portando documento de identificação oficial com foto

e caneta esferográfica de tinta preta.

 

Consideram-se como documentos válidos para identificação do estudante: cédulas de identidade (RG)

expedidas pelas Secretarias de Segurança Pública, pelas Forças Armadas, pela Polícia Militar, pela Polícia Federal;

identidade expedida pelo Ministério da Justiça para estrangeiros;

identificação fornecida por ordens ou conselhos de classes que por lei tenham validade como documento de identidade;

Carteira de Trabalho e Previdência Social, emitida após 27 de janeiro de 1997; Certificado de Dispensa de Incorporação;

Certificado de Reservista; Passaporte; Carteira Nacional de Habilitação com fotografia, na forma da Lei nº 9.503,

de 23 de setembro de 1997; e identidade funcional em consonância com o Decreto nº 5.703, de 15 de fevereiro de 2006.

 

O Estudante impossibilitado de apresentar o documento de identificação original com foto no dia de aplicação do Exame, por

motivo de extravio, perda, furto ou roubo, poderá realizar a prova, desde que: 

  1. Apresente o Boletim de Ocorrência expedido por órgão policial há, no máximo, 90 (noventa) dias do dia de aplicação do Exame; e
  2. Submeta-se à identificação especial, que compreende a coleta de seus dados e de sua assinatura em formulário próprio.

 

O Estudante que apresentar documento de identificação original com validade vencida, poderá realizar a prova,

desde que se submeta à identificação especial, que compreende a coleta de seus dados e de sua assinatura

em formulário próprio.