O GP_PEFAS é certificado pelo CNPq desde 1998. 

As atividades do grupo são convergentes à política de extensão da UFSM, exercendo relevante papel democrático e público, na medida em que assume uma postura crítica diante das questões sociais e das políticas públicas. Contemplam um conjunto articulado de projetos, integrados às atividades de extensão, pesquisa e ensino, e convergem servidores técnico-administrativos e discentes da UFSM (da graduação e pós-graduação) e de outras instituições, públicas e privadas, de formação, de assistência, de gestão e de apoio à sociedade. Conta com finaciamento de bolsa de pesquisadores (PQ/CNPq), de mestrado e de doutorado (CAPES), de extensão (FIEX/UFSM) e de iniciação científica (CNPq, FAPERGS e UFSM) bem como de custeio e capital com editais internos da UFSM e de agências de fomento a pesquisa.
As atividades realizadas desenvolvem-se na área do conhecimento das ciências da saúde, mais especificamente nas áreas temáticas saúde e educação, linha de extensão saúde humana, operacionalizada na promoção da saúde, humanização do atendimento nos serviços, prestação de serviços institucionais em hospitais universitários e outros cenários, atenção à saúde de pessoas em diferentes fases do desenvolvimento humano e problematização do cotidiano na educação e na saúde.
Para tanto, o grupo articula a produção do conhecimento em parceria com outros grupos de pesquisa, nacional e internacionalmente, e as pesquisas possuem um caráter intersetorial e multicêntrico, o que possibilita a convergência de diferentes olhares, a discussão interdisciplinar e a aproximação de profissionais e estudantes, bem como a articulação da pesquisa com o ensino e a assistência, visando a prática baseada em evidências.

  • Objetivos

Articular graduação e pós-graduação, no interesse do ensino, da pesquisa e da extensão para o desenvolvimento do conhecimento em Enfermagem e na Saúde, reconhecendo a diversidade e complementaridade do pensar crítico inserido na prática profissional interdisciplinar.

Oportunizar o aprimoramento de habilidades dos estudantes e profissionais membros do grupo, com foco na pesquisa científica; tendo como premissa o comprometimento ético com as pessoas, famílias e sociedade.

Produzir e disseminar conhecimento técnico-científico e de relevância social para a prática baseada em evidência, inclusive construção/fortalecimento de tecnologias inovadoras de cuidados em Enfermagem e na Saúde, coerentes aos princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde.