O GP-PEFAS atende as linhas de pesquisa:

1) Cuidado às pessoas vivendo com HIV e suas famílias;

2) Práticas de segurança alimentar e nutricional;

3) Cuidado à mulher em situação de violência;

4) Fenomenologia como possibilidade teórico e/ou metodológico

Os projetos de cada uma dessas linhas de pesquisa estão organizados com estrutura matricial ("projetos guarda-chuva"), com período de até cinco anos de execução, com coordenador (pesquisador responsável) e com sub-projetos de pesquisa (TCC, dissertação, tese) com equipe composta por pesquisadores, estudantes (gradução e pós-graduação), inclusive bolsistas (IC, especialização, mestrado, doutorado e pós-doutorado), com financiamento (custeio e/ou capital) interno da UFSM e/ou de agências de fomento nacionais.