Quarta Etapa do Curso de Especialização em Agricultura Familiar Camponesa e Educação do Campo Residência Agrária -UFSM

ATES/RS, 11/02/2014.

 

O curso de Especialização em Agricultura Familiar Camponesa e Educação do Campo Residência Agrária -UFSM é resultante de um convênio estabelecido entre o Instituto de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) e do Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (PRONERA) e UFSM. O curso esta na sua segunda edição, composto por 50 estudantes sendo estes assentados com nível de Graduação (MST), técnicos de ATES (contempla representantes de todas as prestadoras de serviço aos assentamentos no Rio Grande do Sul: EMATER, CETAP, COPTEC e Assessores Técnicos Pedagógicos do Programa de Ates) e estudantes recém – egressos, principalmente da UFSM.
O Curso de Especialização tem como objetivo qualificar profissionais para o desenvolvimento das atividades de Assessoria Técnica, Social e Ambiental em assentamentos de reforma agrária, com enfoque participativo e agroecológico. A estrutura curricular do curso diferencia-se dos tradicionais Cursos de Especialização, por fundamentar-se nos princípios da multi e interdisciplinaridade – recorrendo-se a participação de diversas áreas acadêmicas com o propósito de abordar a realidade sob diversas perspectivas
- pela utilização da pedagogia da alternância, com o processo de formação dividido em dois momentos: Tempo Escola (com abordagem dos conteúdos curriculares); Tempo Comunidade (tempo de pesquisa e de trabalho desenvolvido nas áreas de reforma agrária) e pela flexibilização dos conteúdos possibilitada pela criação de grupos de estudos, discussão e pesquisa em diferentes temáticas (Eixos).
Estes princípios serão garantidos e articulados a partir de quatro (04) componentes curriculares:
1º- Formação Teórica Comum (disciplinas obrigatórias): Objetivo possibilitar a todos educandos uma formação mais humanista, fornecendo os subsídios teóricos e metodológicos para a interpretação dos processos sociais e das estratégias de desenvolvimento nos assentamentos rurais.
2º- Formação Específica por Eixo (mediante disciplinas optativas):
Objetiva proporcionar um espaço de formação complementar com o objetivo de aprofundar a compreensão de problemas específicos diferenciados por eixo temático, para desta forma atender as diferentes expectativas dos educandos e oportunizar a formação de distintos perfis profissionais. Os conteúdos de formação nos eixos serão construídos coletivamente a partir de momentos de reflexão, considerando a identidade do eixo e as experiências vivenciadas nos tempos comunidades.
3º – Vivências em contextos de ATES nos assentamentos do RS (tempo comunidade):Propiciar ao educando um espaço de ação pratica de ATES, permitindo uma reflexão sobre os problemas vivenciados no cotidiano dos agentes de desenvolvimento junto aos assentados da reforma agrária.
4º- Elaboração da monografia final: A monografia terá, obrigatoriamente, base empírica dos tempos comunidade e base teórica da formação teórica comum e dos eixos temáticos.
Em dezembro de 2013 aconteceu a quarta etapa presencial do Curso, no município de São João do Polesine, RS, na localidade de Vale Vêneto.
Para esta quarta etapa, além das disciplinas previstas na grade curricular do curso, aconteceram atividades paralelas como, saídas a campo, a fim de conhecer a realidade dos assentamentos Ramada e Alvorada pertencentes ao município de Julio de Castilho, RS, e Palestras vinculadas as disciplinas do Curso de Especialização em conjunto com os  Programas de Pós Graduação de Extensão Rural e Ciências Sociais da UFSM, tendo como tema “Juventude rural – da margem ao centro”, realizada pela  Drª Elisa Guaraná (UFRR), e a palestra  “Políticas Públicas e o papel do Estado”, desenvolvida pelo Drº Lazaro Camilo Joseph. Além destas atividades aconteceu também o Lançamento do vídeo “Universidade e Reforma Agrária – COPERTERRA e UFSM: histórias e interfaces”, com Roda de Discussão, sob a coordenação do Prof. Dr. José Marcos Froehlich/ UFSM.
A quinta etapa do Curso de Especialização está prevista para ser realizada no período de 10 a 14 de março de 2014, em Santa Maria, Rs, no Prédio do Nesaf/ UFSM.

Fotografia 01: Visita da Turma a uma propriedade com bases agroecológicas no Municipio de Dona Francisca.

 

Fotografia 02: Visita da Turma a uma propriedade com bases agroecológicas no Municipio de Dona Francisca.

Um comentário em “Quarta Etapa do Curso de Especialização em Agricultura Familiar Camponesa e Educação do Campo Residência Agrária -UFSM

  1. WAGNA BARROS DE SOUSA on

    E MUITO BOM A OPORTUNIDADE DE ESTUDAR E TER UM SONHO REALIZANDO APROVO PLENAMENTE O PRONERA POR ESSA ATITUDE BOA PARA COM OS COLONO QUE TEM DIFICULDADES DE IR A ESCOLA FICO MUITO FELIZ…

Deixe uma resposta