UFSM não terá mais vestibular

Categorias Zero Hora
1
Tags , , ,

Jornal Zero Hora, 22/05/2014. Educação, online.

Instituição aprovou o Sisu como forma única de ingresso

UFSM não terá mais vestibular Manuela Vasconcellos/Agência RBS

Foto: Manuela Vasconcellos / Agência RBS

Em reunião do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) da UFSM, os conselheiros aprovaram, por volta das 13h15min desta quinta-feira, o ingresso na Federal exclusivamente via Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Com a decisão, o vestibular será extinto já neste ano. A partir desta decisão, todos os candidatos precisam fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), cujas inscrições terminam nesta sexta-feira.


Durante a reunião, também foi aprovado que 50% das vagas serão destinadas para cotistas já no concurso de 2015. A decisão foi tomada por volta das 10h30min . Antes da aprovação, a UFSM destinava 34% das vagas para cotistas.

Um comentário em “UFSM não terá mais vestibular

  1. Roni Silveira on

    Não tenho costume de manifestar minha opinião na mídia, porém, diante
    de tanta estupidez, não há como evitar.
    A decisão dos conselheiros da ufsm que restringe o ingresso na instituição
    ao Sisu e o aumento da porcentagem destinada aos cotistas reflete o atual
    momento em que se encontra o país. É mais cômodo ficar na chamada “sombra e água fresca” esperando que caia do céu bolsa isso e bolsa aquilo, do que batalhar por um futuro mais promissor. Jamais pensei que ao optar por trabalhar mais e mais, passar por algumas privações para retirar meu filho da escola pública, de baixa qualidade, e matriculá-lo numa escola particular, causaria tanto prejuízo ao seu futuro. Sem falar da forma irresponsável que a medida foi adotada, em meio
    a um processo de preparação para o vestibular 2015. O que falar em defesa da expectativa daqueles alunos que já se submeteram a uma ou duas provas seriadas do Peies? No mínimo, que estão atacando seu direito adquirido, constitucionalmente assegurado. E aqueles estudantes que desde o início do ano, em detrimento do convívio de seus amigos e familiares, se transferiram para Santa Maria, com o intuito de aprimorar sua preparação para o vestibular que tinham em mente realizar. Sinceramente, espero que o reitor da UFSM tenha poderes para revogar tamanha insensatez, se não estiver sendo coagido pelo governo federal em
    troca dos tão necessários repasses financeiros.

Deixe uma resposta