RANKING. 18 universidades brasileiras entre as mil melhores do mundo. Uma, a UFSM. Harvard é campeã

Blog Claudemir Pereira, 31/07/2014.

 

Os ianques, como se sabe, são os campeões mundiais de rankings. Adoram um, do que for. E há um punhado de organizações dos povos do norte que vivem disso: ranquear. Existem os mais e os menos sérios, e nisso eles são iguais a qualquer lugar do planeta.

Entre os ditos respeitados está o Center for World University Rankings (CWUR). E o certame (nada mais é, o que não significa pouco, que isso) em tela é o das universidades. Há milhares delas, no planeta. Foram definidas as mil melhores, com base lá nos critérios que eles estipularam.

Agora, ao que interessa: nesse milhar de luminares do saber pontifica a norte-americana Harvard. E há 18 (cá entre nós, uma miséria) brasileiras. Duas delas são gaúchas, a UFRGS (que é a 585ª no geral) e a nossa UFSM (a 919ª). Entre as brasileiras, a porto-alegrense é a quinta, e a da boca do monte a 12ª. Não é ruim, é?

Ah, para saber mais, inclusive conferir a relação de todas as patrícias, acompanhe material originalmente publicado pelo G1, o portal de notícias das Organizações Globo. A foto é de Divulgação. A seguir:

UFSM, universidade número 919 do mundo, segundo o ranking feito pelo instituto ianque

UFSM, universidade número 919 do mundo, segundo o ranking feito pelo instituto ianque

Pesquisa lista UFRGS e UFSM entre as melhores universidades do mundo

Uma pesquisa sobre ensino superior realizada pelo Center for World University Rankings (CWUR) apontou que, das mil universidades do mundo que aparecem no ranking, 18 são brasileiras e duas são do Rio Grande do Sul: a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e a Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).

O estudo avalia mil instituições do mundo inteiro, baseando-se em sete critérios, entre eles o desempenho do aluno e professor, que inclui prêmios conquistados e trabalhos publicados em revistas científicas. Além disso, a pesquisa contabiliza também quantos estudantes, após a formação superior, ocupam cargos de CEO em grandes empresas mundiais…

Comentários estão fechados.