AUDIÊNCIA. Semana em que a UFSM foi tema das notas mais acessadas. Uma, aliás, só publicada aqui

Blog Claudemir Pereira, 03/08/2014

Numa tarde, atento ao perfil do Gabinete do Reitor, o editor flagrou uma grande novidade. Que se transformaria na nota mais lida de julho e, claro, também nessa semana híbrida, que contou também com dois dias de agosto. E que ainda vai render, pode estar certo, no www.claudemirpereira.com.br. É o caso do transporte gratuito intercampi na UFSM, que mobilizou um punhadão de leitores, que leram primeiro aqui (e só uma hora depois a mídia tradicional colocou na rede).

O anúncio do transporte grátis foi a nota mais lida do mês passado. E, claro, dos últimos sete dias

Anúncio do transporte grátis foi a nota mais lida do mês passado. E, claro, dos últimos sete dias

Mas também há uma outra informação, esta, curiosamente, até o momento em que este texto é redigido, só repercutida mesmo no sítio. E que terá consequências: é o estudo acerca do campus da UFSM em Silveira Martins. Que, no extremo, pode até correr certo risco de sumir.

Bueno, sem mais delongas, confira, abaixo, as cinco notas mais acessadas dos últimos sete dias, conforme a aferição feita pelo Google Analytics, o mesmo usado pelos grandes portais brasileiros. Acompanhe:

1ª - “DE GRAÇA. UFSM fará transporte (“intercampi”) de alunos, docentes e técnicos. Anúncio foi no Feicebuqui”, publicada na tarde de terça, 29 de jullho (AQUI)

2ª - “EDUCAÇÃO. UFSM contrata a FGV para estudo que definirá futuro do campus de Silveira Martins. Fechará?”, publicada manhã de quarta, 30 de julho (AQUI)

3ª - “EXTRA. Confirmada exibição do filme ‘Janeiro 27’ no maior festival do cinema brasileiro. Saiba quando será”, publicada na manhã de segunda, 28 de julho (AQUI)

4ª - “JUSTIÇA. Lembra do juiz que exigia o tratamento de doutor ou senhor? Sim, a ação acabou. Saiba como, publicada na tarde de terça, 29 de julho (AQUI)

5ª - “ASSEMBLEIA. Dos 10 candidatos santa-marienses, faltam só quatro ter os registros confirmados no TRE”, publicada na madrugada de segunda, 28 de julho (AQUI)

 

Comentários estão fechados.