Ranking coloca a Ufrgs como a 5ª melhor universidade brasileira

Categorias Portal Gaz

Portal Gaz, 03/08/2014

Universidade aparece na posição 585 do mundo. Melhor critério da instituição foi a qualidade do corpo docente

O Center of World University Rankings (CWUR), da Arábia Saudita, divulgou a lista 2014 de classificação de qualidade das universidades de todo o mundo. O ranking coloca a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) entre as mil melhores universidades, na posição 585. Ao todo, 18 instituições brasileiras foram classificadas, entre as quais a Ufrgs ficou em quinto lugar e a Universidade Federal de Santa Maria (Ufsm), em 12º.

O ranking avalia Qualidade do Corpo Docente, item em que a instituição obteve sua melhor classificação (210 +), Qualidade de Ensino Ranking, Emprego dos Estudantes egressos, Influência, Citações, Impacto e Patentes.

O Centro de World University Rankings (CWUR) publica a única classificação internacional das universidades que mede a qualidade da educação e formação dos alunos, bem como o prestígio dos docentes e a qualidade da sua investigação, sem depender de estudos e apresentação dos dados da universidade. O CWUR usa oito indicadores objetivos e robustos para classificar top 1000 universidades do mundo:

1) Qualidade da Educação, medida pelo número de alunos de uma universidade que ganharam grandes prêmios internacionais, prêmios e medalhas em relação ao tamanho da universidade [25%];

2) Emprego dos Estudantes, medido pelo número de alunos de uma universidade que atualmente ocupam cargos de CEO em empresas de topo do mundo em relação ao tamanho da universidade [25%];

3) Qualidade dos Docentes, medido pelo número de acadêmicos que ganharam os principais prêmios internacionais, prêmios e medalhas de [25%];

4) Publicações, medido pelo número de trabalhos de pesquisa que aparecem nas revistas de renome [5%];

5) Influência, medido pelo número de trabalhos de pesquisa que aparecem nas revistas altamente influentes [5%];

6) As citações, medido pelo número de trabalhos de pesquisa altamente citados [5%];

7) Impacto, medido pela universidade índice h [5%];

8) Patentes, medido pelo número de pedidos de patentes internacionais [5%].

Comentários estão fechados.