Estado poderá ceder ou doar hospital para a UFSM

Categorias Portal Bei

Portal Bei, 02/10/2014

De acordo com a 4ª Coordenadoria de Saúde, a proposta do Estado é ceder Hospital Regional

Hospital regional

(Foto: Juliano Mendes/A Razão)

O Hospital Regional de Santa Maria (HRSM), em fase de conclusão, somente poderá abrir suas portas com uma condição: se o Estado ceder (por tempo determinado) ou doar a área física do complexo hospitalar, em construção no Bairro Parque Pinheiro Machado, zona oeste da cidade, à Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Segundo Marian Noal Moro, coordenadora ajudante da 4ª Coordenadoria Regional de Saúde (4ª CRS), a proposta do Estado é ceder o espaço durante um período. “O departamento jurídico da Secretaria Estadual de Saúde está analisando essa questão e devemos ter uma resposta em breve”, disse ontem a coordenadora adjunta.

A ideia seria que o Estado repassasse à UFSM a estrutura (temporariamente). A UFSM, por sua vez, realizaria convênio com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) para administrar o novo hospital. A partir daí, o Regional também passaria a ser uma extensão de ensino, pesquisa e extensão. Essa intenção foi noticiada com exclusividade por A Razão em 16 de maio deste ano.

Hoje, às 10h30min, o reitor Paulo Afonso Burmann, se reuniu com os coordenadores dos cursos do Centro de Ciências da Saúde para avaliar a possibilidade dessa parceria.

“A UFSM tem interesse, principalmente pela contribuição à saúde da população, através das iniciativas de pesquisa e extensão, formação de profissionais, ampliação de vagas na pós e na graduação, visando uma contribuição mais consistente na área da saúde”, disse Burmann. O Regional será entregue no mês que vem, mas estará em pleno funcionamento somente em 2016 . O complexo terá 30 mil m² e mais de 200 leitos. Os recursos investidos totalizam mais de R$ 45 milhões, só no espaço físico.

Fonte: A Razão.

Comentários estão fechados.