Auditoria da CGU na UFSM

Diário de Santa Maria, 15/11/2014, Página 2, Pág. 02.

 

A Controladoria Geral da União (CGU) fará auditoria na UFSM na segunda. Segundo a Sedufsm, a CGU vai cobrar da universidade sobre como ela controla e registra as atividades dos professores. Desde o final de 2013, o MPF já havia pedido informações sobre as formas de controle das atividades dos docentes. Além disso, desde a implantação do ponto eletrônico para os técnico-administrativos em educação, já vinha sendo cobrado também um controle dos educadores. Ainda não se sabe que desdobramentos práticos poderá ter essa auditoria no dia a dia dos docentes e da UFSM. Na sexta à tarde, o reitor Paulo Burmann não pôde falar do assunto.

Comentários estão fechados.