EVENTO. Questões de gênero marcam os debates na exposição ‘Identidades e Representações de Minorias’

Blog Claudemir Pereira, 05/06/2016

Por REINALDO GUIDOLIN, da Assessoria de Imprensa do Evento

A exposição “Identidades e Representações de Minorias” acontece nos dias 6, 7 e 8 de junho no espaço Multiuso da UFSM. O evento tem por finalidade dar maior visibilidade às minorias existentes em nossa sociedade através de produtos comunicacionais-midiáticos que retratam suas problemáticas e seus cotidianos. A fim de romper estereótipos e promover reflexões, a comissão organizadora do evento dividirá o espaço em diferentes sessões para que se aborde assuntos que se relacionam com gênero, LGBTTIs, moradores de rua, portadores do vírus HIV,  deficientes visuais, pacientes com câncer e idosos . A exposição foi montada a partir da organização dos trabalhos desenvolvidos por acadêmicos dos cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Produção Editorial e Relações Públicas junto à disciplina de Comunicação e Cultura.

guidolin eventoAs peças trazem temas atuais que promovem discussões e desconstruções de estereótipos sobre cada um dos grupos minoritários. Durante o evento serão apresentados documentários, folders, sessões de fotos, painéis, entre outros. Também haverá discussões acerca de tais assuntos, com a participação de personalidades e profissionais representantes de grupos minoritários e pesquisadores que estudam os assuntos que serão abordados.

Os três dias de exposição reservam atrações variadas para o público que comparecer ao Espaço. Durante a abertura do evento, a ser realizada no dia 6 de junho, haverá o lançamento da exposição central do artista Thomas Josué Silva, composto por criações artísticas desenvolvidas através da técnica de bricolagem têxtil. O artista já realizou inúmeras exposições artísticas individuais e coletivas, em nível nacional e internacional, exibindo sua obra. Também teremos a intervenção artística de rap com o artista Nemezi.

No segundo dia, o visitante desfruta de uma programação adjunta à exposição que aborda assuntos relacionados a gênero. Através de uma roda de conversa, orientada pela professora Jurema Brites, os participantes poderão dialogar a respeito do protagonismo da mulher, da violência contra a mulher, dentre outros assuntos.  E por fim, durante o terceiro dia, membros do Coletivo Voe, juntamente com o artista Thomas Josué Silva, abordarão questões que envolvem os direitos e preconceitos sofridos pela comunidade LGBTTIs.

A organização do evento conta com a participação de cinco acadêmicos da UFSM. Além de planejar e montar a exposição com o intuito de promover o respeito as diferenças, a atividade serve ainda como um instrumento de aprendizado para os alunos dentro da disciplina de Gestão de Eventos, ministrada pelo professor Flavi Ferreira Lisboa Filho. A comissão organizadora solicita aos participantes do evento a doação de alimentos ou agasalhos que serão recolhidos para doação a uma instituição da cidade, escolhida através de votação numa urna localizada na exposição.

Para outras informações, entre em contato através do e-mail expominorias2016@gmail.com.

 

Comentários estão fechados.