União vence e se classifica, e UFSM perde e depende de milagre na Série Bronze

Diário de Santa Maria, 17/09/17, Esportes, Online.

União Independente conseguiu vitória fora de casa, enquanto universitários perderam mais uma pela competição

União vence e se classifica, e UFSM perde e depende de milagre na Série Bronze Charles Guerra/New Co

Foto: Charles Guerra / New Co

Os times de Santa Maria tiveram resultados e sentimentos antagônicos após a 5ª rodada da Série Bronze de Futsal, no último sábado. Enquanto o União Independente venceu e garantiu classificação aos mata-matas, a UFSM Futsal perdeu mais uma e praticamente se despede da competição.

O União conquistou a vaga com uma rodada de antecedência ao conseguir um grande resultado fora de casa. No Ginásio Municipal de Cruz Alta, os santa-marienses bateram o SI Cruz Alta por 3 a 2. Com o resultado, o time amarelo e azul segue na segunda posição da Chave 7, com nove pontos e não pode ser mais alcançado pelos cruz-altenses, que ainda brigam para se classificar como o melhor quarto colocado entre as cinco chaves.

O União foi para o intervalo perdendo, com gol de Bruno, faltando 21 segundos para o fim da primeira etapa. No segundo tempo, o ala Lucas Peres, do time de Santa Maria, tomou conta da partida. Pouco após o início do segundo tempo, ele empatou. A virada também veio dos pés do camisa 19 menos de dois minutos depois. Peres ainda fez 3 a 1. Bruno descontou para o Cruz Alta, deixando o placar final em 3 a 2. Apesar dos gols de Peres, um dos grandes destaques do União foi o goleiro Edinho, que fez diversas grandes defesas.

No próximo sábado, o União recebe o Atlético Candelariense pela última rodada. O clube, que passou aos mata-matas pela primeira vez, busca mais uma vitória para garantir o melhor aproveitamento possível, já que os adversários das oitavas de final são definidos a partir desse percentual.

UFSM precisa de milagre

Tendo como grande objetivo passar para a segunda fase, a UFSM praticamente se despede da competição. Com a quinta derrota em cinco jogos pela Chave 5, os universitários precisam de resultados quase impossíveis de acontecerem para conseguir a classificação. O último revés foi em casa, no sábado, no Ginásio do Corintians, para o 15 de Novembro, de Vila Maria, líder do grupo, por 5 a 3.
O 15 de Novembro abriu 4 a 0, mas a UFSM acabou descontando e terminando o primeiro tempo em 4 a 2. No segundo tempo, mais um gol para cada time. Carlos fez dois para a UFSM, que ainda contou com um gol contra. O último compromisso pela segunda fase será no próximo sábado, contra o Sercca, de Casca, fora de casa. Para conseguir a classificação como melhor quarto, os universitários precisam torcer pela derrota de pelo menos três adversários, além de ter de tirar um saldo negativo de -20.

Comentários estão fechados.