UFSM recebe R$ 11 milhões do MEC, mas ainda projeta déficit de R$ 25 milhões em 2017

Diário de Santa Maria, Educação, Online. 03/11/2017.

Bruno Maestrin / Agencia RBS

Bruno Maestrin / Agencia RBS

A Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) teve a liberação de R$ 11 milhões por parte do Ministério da Educação (MEC). O valor foi depositado na quinta-feira (2) na conta da instituição. Conforme o pró-reitor de Planejamento, Frank Casado, a verba será utilizada para pagar serviços já executados dentro da instituição. Ou seja, por obras – que estão em andamento – e também por serviços terceirizados.

A verba, conforme o pró-reitor, será utilizada ainda para quitar demandas do campus sede da universidade, que fica no bairro Camobi, em Santa Maria. Mas também deve haver o remanejo de parte do montante para os demais campi da UFSM.

Mesmo assim, a instituição aguarda para a próxima semana a liberação de verbas para a manutenção de dois importantes serviços: a assistência estudantil e o funcionamento do Restaurante Universitário (RU).

Ainda em outubro, o governo federal liberou R$ 16 milhões para dar sequência às atividades da instituição. A dois meses do fim do ano, a universidade projeta fechar o ano com um déficit que pode chegar a R$ 25 milhões.

Comentários estão fechados.