Estudantes da UFSM participam da 1ª Copa do Mundo Contábil

Diário de Santa Maria, 24/07/2018. Geral, online.


Foto: Ney Izaguirry (Arquivo Pessoal)

Alexander (a partir da esq.), Júlia, Arthur, Ney (agachado), Sérgio, Thaina, Juliana e Bianca representam a UFSM em competição que é organizada pela primeira vez durante Congresso na USP

A Copa do Mundo acabou há duas semanas. Mas para seis alunos e dois professores do curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), a final vai começar só agora. Claro que eles não vão entrar em campo com chuteiras nos pés.

O desafio dos oito representantes da Federal, que estão divididos em duas seleções, é na frente do computador. Por meio de um software, os estudantes, com a ajuda dos professores, precisam resolver questões ligadas à contabilidade. A decisão da 1ª Copa do Mundo Contábil será nesta quinta-feira, em São Paulo, durante o 15º Congresso da Universidade de São Paulo (USP) de Iniciação Científica em Contabilidade. A organização é do Grupo de Estudos em Tecnologia da Educação na Contabilidade da USP e a realização é da Account-Contabilidade Didática, desenvolvedora do software utilizado.

As duas equipes que representam a UFSM, que ficaram, em sorteio, com os nomes de Rússia e França (a anfitriã e a campeã da Copa de 2018), chegaram à final depois de passar por duas eliminatórias online, nos dias 6 e 13 de julho, respectivamente. Para isso, tiveram de resolver questões comuns no dia a dia da futura profissão de contabilista, e também colocar em prática o que aprenderam até agora durante o curso. Foram balancetes, demonstrações de balanço patrimonial, lucros e prejuízos, folha de pagamento e encargos, imposto de renda, entre outros.

- As tarefas foram bem difíceis, mas os alunos conseguiram fazê-las. Eles tiveram poucas dúvidas, e quando tiveram, recorreram a nós. A competição é importante porque entusiasma eles a continuar estudando. E o fato de estarmos entre os melhores da Copa mostra o quanto o nosso ensino, da UFSM, está em grande nível – destaca o professor Ney Izaguirry de Freitas Júnior, técnico do time Rússia.

Júnior comanda a equipe que tem os alunos Arthur Vielmo, Alexander Machado e Júlia de Mello. Já a França, do técnico Sérgio Madruga, é composta pelas acadêmicas Bianca Alves, Juliana Hoch e Thainá Nichelle. Ontem, eles estavam na estrada, em deslocamento a São Paulo, de ônibus, junto a outros 22 alunos da UFSM que também vão participar do Congresso. Os campeões ganharão um smartphone Samsung Galaxy J7, e os vices, um curso EAD. Os professores receberão uma licença do software utilizado.

Comentários estão fechados.