Jeitinho brasileiro

Diário de Santa Maria, 10/06/2013, Opinião, p. 4

A prefeitura de Porto Alegre, na maior baixeza de caráter, deu um tiro pelas costas na democracia e em todas as pessoas que acompanhavam as notícias sobre o corte das árvores em Porto Alegre e ainda no Movimento que ocupava o lugar para não deixar cortarem as mesmas. Um ato sujo e lamentável, a típica ação brasileira na maior cara de pau. Enquanto isso, aqui em Santa Maria, a sociedade toma outro tiro pelas costas quando abre as notícias e depara-se com os réus do incêndio na boate Kiss conseguindo responder em liberdade pelo maior crime da história da cidade. Poderiam aproveitar a oportunidade e soltar todos da Penitenciária Estadual também, já que justiça é algo que não existe neste país. Mais lá para outras bandas, os índios tomaram um “ultimato” para deixar o seu canto, onde querem construir a miserável Belo Monte. Outra lamentável notícia para o cidadão brasileiro… É só eu que penso isso, mas este país virou um caos? Aliás, sempre foi, mas agora não temos nem como sair pela tangente. Por todo o país, vivemos o famoso jeitinho brasileiro de lidar com tudo. Lamentável mesmo o que acontece por aqui. Um verdadeiro tiro nas costas de nós todos.

Josué Feltrin,

estudante de Letras na UFSM e escritor

Comentários estão fechados.