O Enem e a UFSM ainda andam juntos

Diário de Santa Maria, 29/10/2013, Geral, Pág. 09

Passado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), enganam-se aqueles que pensam que é só esperar pelo gabarito e, depois, pela divulgação do resultado final. Bem antes disso, é preciso pensar em como usar essas notas. É aí que chega o vestibular 2013 da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), que ocorre de 6 a 8 de dezembro.

Ainda no domingo, segundo e último dia de provas do Enem, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável por aplicar o exame, disse que o gabarito será lançado até amanhã. Já o resultado final está previsto para a primeira semana de janeiro de 2014, segundo o Ministério da Educação (MEC).

Contudo, o edital do vestibular da UFSM prevê que o Enem só poderá ser incluído se a Federal tiver acesso às notas até 27 de dezembro.

– A data de janeiro (de divulgação das notas do Enem) é para os alunos. As instituições que usam o Enem geralmente tem acesso ao escore bruto um tempo antes. Além disso, não usamos a nota da redação do Enem. Por isso, esperamos ter esse acesso ainda neste ano – explica Celso Arami Marques da Silva, presidente da Comissão Permanente do Vestibular (Coperves) da UFSM.

No ano passado, a UFSM não considerou o Enem em seu vestibular justamente porque as notas do Enem não foram liberadas antes para as instituições de ensino do país. O concurso da Federal é formado por 80% do processo seletivo e por 20% do Enem 2011, 2012 ou 2013. Aos candidatos que realizaram mais de um exame, será considerada nota do mais recente.

O Diário tentou contato com a assessoria de imprensa do Inep ontem, mas não foi atendido.

Comentários estão fechados.